Identifique a concorrência e fortaleça seu negócio

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×

* Por Fernando Cunha para o blog da WebGlobal

O ato de usar uma estratégia de acordo com seu oponente para derrotá-lo ou ser mais forte que ele é uma técnica antiga. Guerras mundiais, diversas modalidades esportivas e a concorrência comercial têm em comum a mesma premissa de agir perante o adversário, ou, no caso do e-commerce, a famosa concorrência.

Em estratégia de mercado e gestão de negócios, ao mesmo tempo em que conhecer seu concorrente é importante, monitorá-lo é fundamental. Possuir a noção exata de seus pontos fortes e fracos, comparados à concorrência, faz com que você possa desenvolver uma tática apurada, sabendo a hora de segurar as rédeas ou de agir com mais agressividade no mercado.

Concorrência no e-commerce

Até pouco tempo, o ato de identificar concorrentes era realizado de forma muito superficial. Bastava ver se uma loja vendia os mesmos produtos que você. Hoje, com a enorme diversidade de produtos comercializados em um mesmo ponto e o número crescente de novas lojas online – apenas no Brasil são 71 mil (dados de 2016 da Abcomm) – fica cada vez mais difícil e amplo identificar seu adversário

Além disso, existem concorrentes diretos e indiretos competindo no mercado online com você, veja abaixo o que cada um deles significa:

Concorrente direto e indireto

– Concorrente direto: é aquele que vende a mesma linha de produtos para um mesmo público alvo, com uma mesma faixa de preço em um mesmo tipo de ponto de venda.

– Concorrente indireto: é aquele que não vende a mesma linha de produtos, mas que atinge seu público alvo com uma estratégia clara de substituição de produto. Por exemplo, seu negócio é um restaurante “a lá carte”, e na mesma rua existe um restaurante fast food. Ambos atendem a mesma necessidade de se alimentar, mas de maneira diferente.

Aprendendo com os concorrentes

Ponha-se no lugar de cliente na loja do seu concorrente. Avalie os pontos fortes dela que o atrairiam e pense como incorporar ou lapidar à sua forma de negócio.

São muitas as informações que você pode obter ao observar sua concorrência. A ideia de elaborar um roteiro para análise de todos os concorrentes, uma a uma, anotando informações importantes e as próprias modificações de preços está cada vez mais ultrapassada nas empresas. No dia a dia dinâmico em que vivemos, esse trabalho “manual” consome muito tempo e compromete a ação operacional de quem administra o negócio, sendo que existem ferramentas de monitoramento de mercado desenvolvidas justamente para facilitar essa demanda.

Na hora de dar descontos, por exemplo, é preciso primeiro saber o que está acontecendo no mercado. É preciso identificar quais são os produtos ou serviços com maior peso na rentabilidade da sua empresa e escolher aqueles em que a decisão de compra do cliente esteja mais diretamente ligado ao preço, como na curva A, B, C, que também está presente nas melhores ferramentas de monitoramento.

Monitore, monitore e monitore

A relação entre seu negócio e a concorrência é complexa e, principalmente, dinâmica. É decisivo estar atento às variações de preços, portanto, use a técnica de Price Intelligence e estabeleça um processo de acompanhamento. Hoje, softwares de pricing contam com funcionalidades de histórico de preços e isso lhe auxilia muito na tomada de decisões. Se você não está prestando atenção nos preços dos seus concorrentes, saiba que os clientes são especialistas nisso. Desse modo, o monitoramento da concorrência pode ser utilizado como uma ferramenta para gerar lucro.

Saber quem é o líder no seu mercado e como seu produto está em relação ao dele pode gerar dados que influenciem na sua ação e consequentemente no seu próprio posicionamento.

Para se tornar duradouro nesse mercado é preciso uma identificação constante da entrada ou saída de concorrentes. Verificação da concorrência direta e indireta e do desempenho do seu negócio, além de muita criatividade aliada ao uso de uma ferramenta como o WebPrice irão auxiliá-lo a estar na frente.

Texto de Fernando Cunha para o blog da WebGlobal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×