Os idosos tem vez na zona Sul?

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×
Fernando Cunha
Dna. Jandira e Sr. Adão

Os idosos hoje chegam a mais de 20 milhões de pessoas, perante aos 194 milhões de habitante no País, segundo o censo realizado pelo IBGE em 2012. O instituto considera idosas as pessoas com 60 anos ou mais, mesmo limite de idade considerado pela Organização Mundial da Saúde (OMS) para os países em desenvolvimento.

O envelhecimento da população brasileira é reflexo do aumento da expectativa de vida, devido ao avanço no campo da saúde e à redução da taxa de natalidade. Prova disso é a participação dos idosos com 75 anos ou mais no total da população. Em 1960, 3,3 milhões de brasileiros idosos representavam 4,7% da população. Em 2000, 14,5 milhões, ou 8,5% dos brasileiros, estavam nessa faixa etária. Na última década, o salto foi grande, e em 2010 a representação passou para 10,8% da população (20,5 milhões).

A população brasileira vive, hoje, em média, de 68,6 anos, 2,5 anos a mais do que no início da década de 90. Estima-se que em 2020 a população com mais de 60 anos no País deva chegar a 30 milhões de pessoas (13% do total), e a esperança de vida, a 70,3 anos.
Estimativas do IBGE indicam que em 2003 a população de idosos em Porto Alegre respondia à 11,8% do total. Em 2010 esse número subiu para quase 15% da população, com 211.896 idosos.
Observando pelas regiões do orçamento participativo da Capital, segundo o IBGE, o Centro (composto pelos bairros Auxiliadora, Azenha, Bela Vista, Bom Fim, Centro, Cidade Baixa, Farroupilha, Floresta, Independência, Jardim Botânico, Menino Deus, Moinhos de Vento, Mont Serrat, Petrópolis, Praia de Belas, Rio Branco, Santa Cecília e Santana) leva larga vantagem sobre as demais, contando com 28,4% ou 60.114 idosos. Na zona Sul, a região Centro/Sul (composta por Camaquã, Campo Novo, Cavalhada, Nonoai, Teresopólis e Vila Nova) abriga o maior número de idosos: 16.123.
O rápido envelhecimento da população porto-alegrense segue uma tendência mundial e o fato torna muito oportuno o debate sobre a situação desses cidadãos na sociedade.

Com o passar dos anos os porto-alegrenses vem, aos poucos, enxergando uma imagem mais madura na frente do espelho.

SAÚDE

De acordo com o Estatuto do idoso:

O idoso tem atendimento preferencial no Sistema Único de Saúde (SUS).
A distribuição de remédios aos idosos, principalmente os de uso continuado (hipertensão, diabetes etc.), deve ser gratuita, assim como a de próteses e órteses.
Os planos de saúde não podem reajustar as mensalidades de acordo com o critério da idade.
O idoso internado ou em observação em qualquer unidade de saúde tem direito a acompanhante, pelo tempo determinado pelo profissional de saúde que o atende.Medicamentos gratuitos para idosos:
Os idosos têm direito a receber do SUS, gratuitamente, medicamentos para a reabilitação e a recuperação de sua saúde, especialmente os de uso continuado.
Amparo Legal: Lei nº 10.741, de 01 de outubro de 2003, Artigo 15, Parágrafo 2º.
Disque Saúde: Telefone 0800.611997 – Serviço gratuito, funciona todos os dias das 8h às 18h. Pode ser acionado de orelhão. Tira dúvidas sobre saúde e recebe denúncias (inclusive anônimas) de mau atendimento no SUS.

Além dos postos de saúde, a Farmácia de Medicamentos Especiais do Estado em Porto Alegre (na Avenida Borges de Medeiros esquina com rua Riachuelo) também faz distribuição gratuita.

Centro do Idoso

Ainda em 2013 os idosos da Capital contarão com espaço qualificado de internação no Centro de Convivência do Idoso. O espaço de 432 metros quadrados está concluído na Rua Sínvio Silveira Soares, 2713, no Bairro Cavalhada.

O Centro terá cozinha, refeitório, sala de eventos e espaço multiuso para atividades físicas, artísticas e laborais. De acordo com a assessoria de comunicação da FASC, a inauguração deve ocorrer no segundo semestre de 2013.

COMUI

O Conselho Municipal do Idoso (COMUI) foi criado através da Lei Complementar 444 de março de 2000, com atribuições destinadas a assegurar pleno bem-estar aos idosos da cidade. É um instrumento de orientação para idosos na defesa de seus direitos e conscientização de seus deveres.

Tem como finalidade propor ações e fiscalizar atividades desenvolvidas por órgãos públicos e sociedade civil da cidade de Porto Alegre. Essa fiscalização se faz com o apoio da população, união dos idosos e a efetiva participação do COMUI.Diariamente na sede do COMUI os Conselheiros estão à disposição dos interessados para esclarecimentos sobre direitos e deveres dos idosos.

O Conselho fica nos Altos do Mercado Público – Sala T2B, fone: (51) 3289-1799 e email: comui@smgl.prefpoa.com.br

Fundo Municipal do Idoso

O Fundo Municipal do Idoso de Porto Alegre foi instituído no dia 11 de agosto de 2011, por meio do decreto Nº 17.195. O Fundo tem o objetivo de facilitar a captação, o repasse e a aplicação de recursos destinados ao desenvolvimento das ações de atendimento à pessoa idosa no município.

A aplicação dos recursos do Fundo é administrada de acordo com plano elaborado pelo Conselho Municipal do Idoso (COMUI) e aprovado na Lei Orçamentária Anual.

A verba destinada ao Fundo do Idoso tem por objetivo assegurar os direitos sociais do idoso, criando condições para promover autonomia, integração e participação efetiva na sociedade, bem como o disposto no Estatuto do Idoso.

Esportes e lazer

Há 12 anos ocorrem os Jogos Municipais da Terceira Idade. A Décima Primeira edição dos Jogos Municipais da Terceira Idade de Porto Alegre ocorreu em outubro de 2012, no Ginásio Tesourinha, e reuniu 228 atletas divididos em praticantes de 50 a 59 anos, praticantes de 60 a 69 anos e praticantes de 70 anos ou mais.

Os Jogos Municipais da Terceira Idade de Porto Alegre tiveram sua primeira edição no ano de 2002, cumprindo a Lei Municipal nº 8.794 de 18 de outubro de 2001 que oficializa os Jogos Municipais da Terceira Idade como promoção anual da Secretaria Municipal de Esportes, Lazer e Recreação.

Os Jogos caracterizam-se por serem Esportes Adaptados, mantendo a proposta de ludicidade, participação e integração tendo como princípios norteadores: democracia, solidariedade e  inclusão. O evento tem como principal objetivo “Integrar, organizar e fortalecer a participação de idosos em atividades esportivas e recreativas, contribuindo para a melhora da sua qualidade de vida”.Para quem prefere algo diário, existem espalhados pela cidade diversas academias ao ar livre destinadas ao público idoso. Uma boa pedida é a localizada na praia de Ipanema, onde os idosos podem fazer exercícios curtindo o Lino cartão postal de nossa Capital.

Número de idosos em Porto Alegre
segundo dados do IBGE de 2010

Porto Alegre – 211.896 idosos

Regiões da zona Sul:

Centro Sul
Bairros: Camaquã – Campo Novo – Cavalhada – Nonoai – Teresopólis – Vila Nova
16.123 idosos
Cristal
Bairro: Cristal
4.250 idosos
Cruzeiro
Bairros: Medianeira – Santa Tereza
8.385 idosos
Extremo Sul
Bairros: Belém Novo – Chapéu do Sol – Lageado – Lami – Ponta Grossa
4.224 idoso
Glória
Bairros: Belém Velho – Cascata – Glória
5.164 idosos
Restinga
Bairro: Restinga
5.716 idosos
Sul
Bairros: Espírito Santo – Guarujá – Hípica – Ipanema – Pedra Redonda – Serraria – Tristeza – Vila Assunção – Vila Conceição
11.884 idosos
Texto de Fernando Cunha ©

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×